Entrevista com Phill Veras, o maranhense que vem conquistando o Brasil

No próximo dia (11/11) o cantor e compositor Phill Veras estará o Teatro Municipal de Uberlândia apresentado sua nova turnê “Alma” título também de seu terceiro álbum.

“Que as pessoas se unam mais, que tenham mais empatia. Todos nós precisamos meditar mais, orar mais, e aprender a domar o ego.”  Phill Veras.

Nós do Uberlândia Blitz trazemos pra vocês uma entrevista feita com o artista, confira:

Se você pudesse dizer as pessoas quem é o Phill Veras em apenas uma frase, qual seria? 

Um compositor Brasileiro que usa a música como terapia.

Se o Phill de 2018 encontrasse o Phill lá de 2012, o que ele diria?

Diria pra ser mais confiante, atento e menos aéreo. 

Suas composições são maravilhosas, transmitem um mix de sensações pra quem tá ouvindo, quais são suas inspirações?

Muito obrigado, sou grato por achar minhas músicas maravilhosas. Me inspiro nas transformações da vida, na paz, no silêncio, na serenidade, no amor e na empatia.

Você tem uma vibe similar ao Zeca Veloso, algum artista te inspirou no início da carreira ou ainda inspira?

O pai do Zeca me inspirou bastante. Lembro de uma época da minha vida que eu só ouvia Caetano, sempre foi um grande professor. 

Sobre seu Álbum “Alma”, como se deram as composições? Como foi a criação?

O processo de composição do disco foi um tanto longo. Foram 4 anos para fechar o repertório. Às vezes sou uma pessoa bastante indecisa, sou libriano. Fiz mais ou menos trinta composições nesse espaço de tempo. Foi um pouco difícil selecionar as músicas certas pra o álbum.

Qual sua relação com a espiritualidade?

Sempre fui muito curioso quando se trata de espiritualidade. O assunto me cativa muito, sempre absorvo coisas boas quando me coloco pra pesquisar um pouco mais sobre os mistérios e a vida espiritual. Não me considero espiritualista nato, mas o assunto sempre me conquistou. Admiro muito as pessoas que levam uma vida totalmente voltada a espiritualidade, elas são mais felizes. 

Se pudesse, com qual artista dividiria palco?

Pergunta difícil. Tenho vários em mente, mas hoje acordei pensando no Frejat.

A esperança está presente em “Alma”. Seu novo álbum, cheio de cores e espiritualidade. O Brasil passa por um momento crítico em relação à política e Direitos Humanos, se pudesse deixar uma mensagem para as pessoas, qual seria?

Que as pessoas se unam mais, que tenham mais empatia. Todos nós precisamos meditar mais, orar mais, e aprender a domar o ego. 

Entrevista: Lineker Campos

Não deixem de conferir o trabalho desse artista indescritível. Valorize a musica brasileira. Ouça. Compartilhe com a gente, divulgue entre os amigos. Um abraço. 

Matéria por: Lineker Campos.

Nos siga nas redes sociais:

INSTAGRAM: Lineker Campos: @linekermcampos

INSTAGRAM: @uberlandiablitz

YOUTUBE: canal uberlandia blitz

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − 13 =